As diferenças-chave entre o inglês Britânico e o Americano

58

Como você deve saber, o inglês americano e inglês britânico tem algumas diferenças que os separam e que podem gerar dúvidas para quem está aprendendo a língua. Ao passo que, na maioria das vezes, as diferenças entre os dois tipos de inglês estão apenas no sotaque e na musicalidade de cada um dos dialetos, outras vezes elas podem ser mais significativas e comprometerem o entendimento global de uma frase.

Em todo caso, é aconselhável que o aluno que aprende um inglês de um determinado país fique sempre atento a estas sutilezas para evitar mal entendidos.

 

Por que as diferenças existem?

Assim como Portugal e Brasil, a Inglaterra e os Estados Unidos foram uma vez colonizador e colônia. Da mesma forma como aconteceu com o português, o inglês dos dois países foi se distanciando com o passar dos anos, e a forma de utilizar a língua evoluiu de maneiras diferentes nas duas regiões. Algumas palavras tomaram sensos diferentes, ao passo que outras sofreram pequenas alterações de ortografia. Veremos isso mais detalhado nos exemplos abaixo.

 

Palavras britânicas versus palavras americanas

Para evitar confusões e mal entendidos, é bom sempre saber que algumas palavras mudam completamente de nome entre um país e outro e o ideal é memorizar algumas destas diferenças mais importantes na vida cotidiana, veja alguns exemplos:

  Inglaterra Estados Unidos
Abobrinha Courgette Zucchini
Armário de roupa Wardrobe Closet
Banheiro Toilet / Loo Bathroom / restroom
Batata Frita Chips French Fries
Biscoito Biscuit Cookie
Borracha Rubber Eraser
Calça Trousers Pants
Elevador Lift Elevator
Estacionamento Car Park Parking Lot
Farmácia Chemist Drug Store
Férias Holiday Vacation
Futebol Football Soccer
Gasolina Petrol Gasoline / Gas
Geléia Jam Jelly
Gola Rolê Polo Neck Turtle Neck
Jardim Garden Backyard
Metrô Tube / Underground Subway
Outono Autumn Fall
Passeio (de rua) Pavement Sidewalk
Picolé Lolly Popsicle

 

Diferenças de escrita

Diferenças de escrita entre inglês britânico e inglês americano

Além das palavras que mudam completamente de significado, alguns termos podem apenas mudar sutilmente a sua forma de escrever. Vejamos alguns exemplos abaixo.

Palavras que terminam em yse / ise em inglês britânico trocam a terminação para yze / ize em inglês americano:

Inglaterra Estados Unidos
apologise apologize
organise organize
recognise recognize
analyse Analyze
paralyse paralyze

Palavras que terminam em nce em inglês britânico e em nse em inglês americano:

Inglaterra Estados Unidos
defence defense
licence license
offence offense
pretence pretense

E, finalmente, as que terminam em our na Inglaterra e que passam a terminar em ornos Estados Unidos:

Inglaterra Estados Unidos
colour color
flavour flavor
humour humor
labour labor
neighbour neighbor

 

Diferenças gramaticais

Diferenças gramaticais entre inglês britânico e inglês americano

Além das diferenças entre as palavras usadas e da ortografia (como vimos nas tabelas acima), a gramática também pode sofrer pequenas variações entre o inglês britânico e o americano. Um bom exemplo é o uso do plural para elementos coletivos, como times, bandas, grupos, etc..

Na Inglaterra, quando falamos de uma equipe de pessoas, pode-se usar as conjugações verbais tanto no plural quanto no singular, ao passo que, nos Estados Unidos, o verbo vai estar quase sempre no singular (como em português). Vamos a um exemplo:

Frase: A Espanha é campeã.

Inglês britânico:

Spain is the champion / Spain are the champions

Inglês americano:

Spain is the champion

 

Quanto estas diferenças realmente contam?

No mundo globalizado em que vivemos, tanto ingleses quanto americanos sabem muito bem que estas diferenças existem e, na maioria das vezes, irão entender o que você está querendo dizer. No máximo, o que pode acontecer é você falar algo que não faz sentido em um dos dois países e dar boas risadas depois. Ou seja, se você está começando a aprender o idioma, não esquente tanto a cabeça com isso por enquanto.

Agora, se você já é um aluno em uma etapa mais avançada no seu curso de inglês, vale a pena tentar entender as diferenças nos dois ingleses mais profundamente. Não só para conseguir se comunicar melhor estando em um país ou outro, mas também para descobrir as belas sutilezas que estas duas variações podem trazer.

É sempre importante lembrar que, além da Inglaterra e dos EUA, o inglês também é a língua-mãe de outras nações espalhadas pelo mundo. Austrália, Nova Zelândia, Canadá, Irlanda, Escócia e África do Sul são apenas alguns dos países que adotam o inglês como idioma oficial e é importante saber que, em cada uma destas regiões, a língua de Shakespeare tem suas particularidades. Mas isso já é assunto para outro dia!

 

58 COMMENTS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here